Cadê o toicinho que estava aqui?

Atualizado: 30 de Jul de 2020

Brincar com as palavras, dar novos propósitos a elas, surpreender, fazer rir são movimentos importantes que contribuem para que as crianças produzam discursos.





O gato comeu! Você conhece essa famosa parlenda de nosso folclore, certo? Então, há vários autores que já se apropriaram dela, recriando-a de modos diversos. Certa vez, num projeto com parlendas, apresentei aos alunos duas outras versões dela: do José Paulo Paes e do Guto Lins. As crianças, que estavam no 1º ano, logo mostraram desejo de criarem as suas: vamos ler uma delas.


Cadê a galinha que estava aqui?/Foi pro ninho/Cadê o ninho?/Virou massa de trigo?/Cadê o trigo?/Virou milho/Cadê o milho?/Virou mosquito da dengue/Cadê a dengue?/Virou um ovo/Cadê o ovo?/Entrou dentro de um ralo/Cadê o ralo?/Tá voando e foi pras nuvens?/Cadê a nuvem? Foi namorar/Cadê o namorado?/Foi pegar onda na cabeça do tubarão/ou foi fazer cocô/ou sumiu/ou virou uma chuva de ovo.


Agora vamos ler uma que foi criada por uma colega, com sua turma de Grupo 4: Cadê a almofada que estava aqui?/Pegou fogo/Cadê o fogo?/Virou fumaça/Cadê a fumaça?/Foi namorar e perdeu o lugar/Cadê o lugar?/Virou uma estrada/Cadê a estrada/Virou uma pessoa/Cadê a pessoa/Foi pra nuvem/Cadê a nuvem?/Está no Japão/Cadê o Japão?/Virou água/Cadê a água?/Foi para o poço/Cadê o poço?/A chuva comeu/Cadê a chuva?/Molhou o Grupo 4.

Nas duas criações, percebemos como as crianças, por meio do jogo com as palavras, vão provocando o surgimento de novas imagens inesperadas e engraçadas e que nos provocam a usar a imaginação para compreendê-las: como uma fumaça namora? Como a chuva comeu o poço?

Também é possível perceber que mesmo trazendo representações caóticas da realidade, os textos apresentam elementos que fazem parte do conhecimento e da vida das crianças: “Virou mosquito da dengue” (era a primeira vez desta epidemia na cidade), “Cadê a nuvem?/Está no Japão”.

Brincar com as palavras, dar novos propósitos a elas, surpreender, fazer rir são movimentos importantes que observamos neste projeto, e que contribuem para que as crianças produzam discursos, desenvolvam a linguagem e conversem com a cultura na qual estão imersas.






2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo